Comunicado IR 2018


IR 2018

Prezados Senhores

ir-2015
IR 2018 – Lembramos que o prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física/2018 (DIRPF/2018), encerra-se em 30/04/2018.

IR 2018 – DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

 


 IR 2018 – Enviar para o escritório os seguintes documentos:

  • Recibos e Notas Fiscais de despesas médicas;
  • Extrato anual de pagamentos à Plano de Saúde individualizados por dependente/CPF Este documento deverá ser solicitado a operadora do plano de saúde ou emitido via Internet;
  • Extrato anual de pagamentos à Plano de Previdência PrivadaEste documento deverá ser solicitado a seguradora, ou emitido via Internet;
  • Recibos, Notas Fiscais, Contratos  de aquisição de  bens imóveis (qualquer valor);
  • Recibos, Notas Fiscais, Contratos  de aquisição de  bens móveis (somente para valores acima de R$ 5.000,00);
  • Recibos de pagamentos e/ou recebimentos de pensões;
  • Informe de rendimentos de recebimento de salários – Este documento deve ser solicitado a fonte pagadora (empresa onde trabalha);
  • Informe de rendimentos de recebimento de salários dos dependentes – Este documento deve ser solicitado a fonte pagadora do dependente ;
  • Informe de rendimentos de recebimentos de Pensões INSS – Este documento deve ser solicitado ao INSS ou obtido via Internet no site do INSS, através do link:  https://extratoir.inss.gov.br/irpf01/pages/consultarExtratoIR.xhtml
  • Informe de rendimentos de recebimentos de aposentadorias INSS – Este documento deve ser solicitado ao INSS ou obtido via Internet  no site do INSS, através do link: https://www8.dataprev.gov.br/SipaINSS/pages/irpf/irpfInicio.xhtml ;
  • Informe de rendimentos de recebimentos de aposentadorias complementares – Este documento deverá ser solicitado as fontes pagadoras (Previdências Privadas);
  • Informe de rendimentos de recebimentos de aluguéis – Este documento deve ser solicitado as Imobiliárias;
  • Informe de rendimentos de RECEITAS auferidas por autônomos ou profissionais liberais – Para esses casos o ideal é que o contribuinte mantenha a escrituração do Livro Caixa, porém na sua ausência deverão ser enviados recibos e/ou relatórios que demonstrem a receita. Lembrando que cada recebimento deverá possuir a indicação completa dos dados da fonte pagadora (Nome, Nome empresarial ou Razão Social, CPF ou CNPJ e endereço);
  • Informe de recebimentos de indenizações de qualquer natureza, com os comprovantes de pagamento das custas judiciais, honorários advocatícios, etc..;
  • Extrato anual para fins de Imposto de Renda de Bancos, Seguradoras, Imobiliárias, etc…
  • Extrato de pagamentos de prestações ao Sistema Financeiro de Habitação – Este documento deve ser solicitado a instituição credora;
  • Informe anual de consórcios – Este documento deve ser solicitado as administradoras de consórcios;
  • Informe anual de financiamentos e/ou leasing de veículos – Este documento deve ser solicitado a instituição financeira credora;
  • Informe anual de títulos de capitalização – Este documento deve ser solicitado a seguradora/instituição financeira;
  • Extrato anual de despesas com instrução de dependentes e do próprio declarante com: Escolas de ensino Fundamental, Ensino Médio e FaculdadesEste documento deve ser solicitado a instituição de ensino;
  • Documentos que comprovem a obtenção de empréstimos junto á instituições financeiras, empresas e  pessoas físicas e seus respectivos comprovantes de quitação;
  • Relação dos valores pagos a título de INSS do empregado doméstico (enviar as GPS recolhidas);
  • Documentos que comprovem a Cessão de empréstimos à terceiros e os respectivos comprovantes de quitação;
  • Documentos que comprovem doações realizadas e/ou recebidas;
  • Comprovantes de pagamento de pensões alimentícias homologadas judicialmente;
  • Notas fiscais referentes benfeitorias em imóveis (materiais e mão de obra).
  • Dados dos dependentes e alimentandos – Nome completo, data de nascimento e CPF;

 

 IR 2018 – OBSERVAÇÕES ESPECIAIS

  • VEÍCULOSPara 2018 deverá ser informado à Receita Federal, o número do RENAVAN de todos os veículos, inclusive os que já vinham sendo declarados em anos anteriores. Pedimos a gentileza de enviar o número do RENAVAM de todos os veiculos ou cópia dos CRLVs dos mesmos;

  • IMÓVEISPara 2018 deverão ser informados à Receita Federal, vários dados de todos os imóveis, inclusive os que já vinham sendo declarados em anos anteriores, conforme segue:

    1. Indicação Fiscal / Inscrição MunicipalEste número consta no carnê de IPTU de cada imóvel;

    2. Endereço completo do imóvel: Informar nome da Rua; nº; complemento; bairro; município; Estado e CEP;

    3. Área total do imóvel: Informar em m2 (metragem quadrada) ou ha (hectares) – Essas informações constam no carnê do IPTU e no Registro de Imóveis;

    4. Área construída do imóvel: Informar área construída em m2 (metragem quadrada) – Essa informação consta no carnê do IPTU e/ou no Registro de Imóveis;

    5. Data de aquisição: Informar a data de compra de cada imóvel – Essa informação consta no Registro de Imóveis e/ou escritura de compra e venda;

    6. Registro de Imóveis: Informar se o imóvel é registrado no cartório de registro de imóveis;

    7. Dados do Cartário de Registro de Imóveis: Informar o nome, município e estado do cartório em que o imóvel está registrado;

    8. Matrícula do imóvel: Informar o número de matrícula do imóvel, junto ao cartório;

    9. Registro do imóvel: Informar os dados do registro do imóvel, tais como: Livro; folhas, etc..


 

 IR 2018 – DOCUMENTOS DESNECESSÁRIOS

 
 IR 2018 – O que não deve ser enviado para o escritório

  • Faturas de Energia (Copel);
  • Faturas de Água (Sanepar);
  • Faturas de Telefones (Fixos ou Celulares);
  • Faturas de TV a cabo;
  • Faturas de gás;
  • Comprovantes de pagamentos de condomínio;
  • Despesas com cabeleireiros e similares;
  • Cupons fiscais ou notas fiscais de compras em supermercados, açougues, padarias, quitandas, e outros do gênero;
  • Faturas de cartões de crédito;
  • Despesas com combustíveis;
  • Despesas com pedágio;
  • Despesas com viagens e estadias de passeios;
  • Despesas com manutenção de veículos;
  • Notas Fiscais de compras de eletrodomésticos;
  • Despesas com compra de medicamentos;
  • Despesas com aulas de idiomas, musica, dança, natação, ginástica, tênis, pilotagem, dicção, corte e costura, informática e assemelhados, aulas particulares, lanches, passeios, uniformes, transporte e material escolar e/ou didático, livros, enciclopédias, revistas, jornais, cursos preparatórios para concursos e/ou vestibulares.


Deixe um comentário